Aécio, candidato a deputado federal

A capa de Veja deste final de semana é o recado em letras maiúsculas desta decisão do poder midiático. Aécio já era.

Aécio foi o pai do golpe. Esse golpe bastardo que acabou gerando Temer, um presidente absolutamente ilegítimo.

Depois de ter saído da eleição com todas as condições de fazer oposição responsável e se cacifar pra chegar em 2018 como favoritíssimo à sucessão de Dilma, preferiu, por vaidade, o confronto em ritmo de UFC.

Pediu recontagem de votos no TSE, se alinhou a Cunha para aprovar pautas bombas no Congresso, insuflou uma resistência anti-PT nas redes e nas ruas e fechou um acordo com Temer para realizar o impechement.

Achava que ao fazer isso, se fortaleceria para o atropelo final nas próximas eleições. Mas deu ruim.

Aécio começou a aparecer em todas as delações e foi perdendo base. Hoje aparece com míseros nove pontos nas pesquisas de opinião. E com uma rejeição na casa dos 70%.

Seu eleitorado se sentiu traído e os que votaram em Dilma o odeiam.

E a mídia, que sempre lhe deu suporte, decidiu que é hora de abandonar aquele que já foi laranja e se tornou bagaço.

A capa de Veja deste final de semana é o recado em letras maiúsculas desta decisão do poder midiático.

Aécio já era.

Ou se toca disso e abre as portas para um candidato com cheiro de novo, como João Dória, ou passará a ser atacado por aqueles que antes lhe jogavam flores.

O mineirinho, pelo que se viu no seu vídeo divulgado hoje no Facebook,  ainda tentará resistir. Mas sabe que nessas coisas de política é quase impossível segurar no peito uma tsunami.

Ou seja, nunca o “perdeu, playboy” foi tão adequado.

O garotão do Leblon vai ter que se conformar com uma candidatura a deputado federal se quiser manter o foro privilegiado. Porque até para senador ele corre o risco de não se reeleger.


Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum e recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa e ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa, ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses e 1 camiseta personalizada após 1 ano.





Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.



In this article

Join the Conversation